Ciência da Computação

A Análise por Pontos de Função (APF) dimensiona o software considerando a perspectiva do usuário e quantificando a funcionalidade que ele proporciona ao seu usuário final. Para o usuário, uma aplicação é um conjunto de funções ou atividades do negócio que o beneficiam na realização de suas tarefas. Segundo a Análise por Pontos de Função (APF) essas funções são divididas em 5 grupos. Com relação a essa divisão é correto afirmar que no grupo arquivo lógico interno estão as funções que representam

  • a.

    as atividades que, através de uma requisição de dados (entrada), gera uma aquisição e exibição imediata de dados (saída).

  • b.

    as atividades da aplicação (processos) que têm como resultado a extração de dados da aplicação.

  • c.

    as necessidades de grupos de dados logicamente relacionados, utilizados pela aplicação, mas que sofrem manutenção a partir de outra aplicação.

  • d.

    os requerimentos de armazenamento de grupos de dados logicamente relacionados, cuja manutenção é efetuada pela própria aplicação.

  • e.

    as atividades vindas diretamente do usuário, por meio de um processo lógico único, com o objetivo de inserir, modificar ou remover dados dos arquivos lógicos internos.