Questões de Concurso de Direitos Políticos - Direito Constitucional

Ver outros assuntos dessa disciplina Navegar questão a questão

Questão 815172

Prefeitura de Cascavel - PR 2016 (3ª edição)

Cargo: Arquiteto / Questão 6

Banca: CONSULPLAN Consultoria (CONSULPLAN)

Nível: Superior

A cassação de direitos políticos é vedada, podendo ocorrer a perda ou suspensão em caso de:

I. Algum tipo de incapacidade civil e probidade administrativa.

II. Cancelamento da naturalização por sentença transitada em julgado.

III. Condenação criminal transitada em julgado, enquanto durarem seus efeitos.

É correto o que se complementa em

  • A. I, II e III.
  • B. I, somente.
  • C. II, somente.
  • D. I e III, somente.
  • E. II e III, somente.

Questão 811741

Tribunal de Contas Estadual - PA (TCE/PA) 2016

Cargo: Auditor de Controle Externo - Área Administração / Questão 29

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Superior

No que diz respeito à disciplina constitucional relativa aos direitos políticos, julgue o item seguinte. A alistabilidade, que se refere à capacidade do indivíduo de ser eleitor, com direito de participar da escolha dos mandatários, é vedada aos estrangeiros e, durante o período do serviço militar obrigatório, aos conscritos.
  • C. Certo
  • E. Errado

Questão 814452

Tribunal de Contas Estadual - PA (TCE/PA) 2016

Cargo: Auxiliar Técnico de Controle Externo - Área Administrativa / Questão 66

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Médio

No que concerne aos direitos e deveres individuais e coletivos, à nacionalidade e aos direitos políticos, julgue os itens que se seguem, tendo como referência as disposições da CF. Serão cassados os direitos políticos do indivíduo condenado criminalmente em sentença transitada em julgado.
  • C. Certo
  • E. Errado

Questão 779001

Tribunal Regional Eleitoral / Roraima (TRE RR ) 2015

Cargo: Analista Judiciário - Área Administrativa / Questão 26

Banca: Fundação Carlos Chagas (FCC)

Nível: Superior

A Constituição Federal NÃO admite a perda ou suspensão dos Direitos Políticos no caso de
  • A. cancelamento de naturalização por sentença transitada em julgado.
  • B. incapacidade civil absoluta.
  • C. militares da ativa e da reserva.
  • D. recusa de votar e de cumprir prestação alternativa, por motivo de convicção religiosa, àquele obrigado a tanto.
  • E. condenação criminal transitada em julgado que esteja produzindo seus efeitos.

Questão 782762

Tribunal Regional Eleitoral / Minas Gerais (TRE MG) 2015

Cargo: Técnico Judiciário - Área Administrativa / Questão 23

Banca: CONSULPLAN Consultoria (CONSULPLAN)

Nível: Médio

“Hélio, após longa carreira profissional na área de Exatas, resolve mudar o seu rumo e realizar um curso de Ciência Política tendo se deparado com o estudo das diversas formas de sufrágio já adotadas no país. Ficou surpreso ao verificar que a existência de bens de raiz (ou imóveis) já constou como requisito para o exercício do voto, bem como a proibição de participação dos mendigos no processo de votação.” Esse sistema antigo foi superado pelas modernas Constituições e, atualmente, vigora a forma de sufrágio considerada
  • A. especial.
  • B. múltipla.
  • C. universal.
  • D. capacitária.

Questão 783554

Tribunal Regional Eleitoral / Minas Gerais (TRE MG) 2015

Cargo: Técnico Judiciário - Área Contabilidade / Questão 29

Banca: CONSULPLAN Consultoria (CONSULPLAN)

Nível: Médio

“Esculápio é médico radicado em município situado em região metropolitana de intensa atividade econômica há longos anos. Após ser diagnosticado com nível elevado de estresse, resolve transferir as suas atividades para o município W que possui cerca de cinco mil habitantes, passando a levar uma vida mais pacata. O médico integra‐se por completo à sociedade local e decide contribuir para a atividade política, criando uma associação destinada a fiscalizar a atividade política. Um dos atos encampados pela sua associação foi o de solicitar ao Juiz com competência eleitoral a realização de prova de escolaridade básica com o intuito de comprovação da situação de eleitores e candidatos como analfabetos.” Esse controle sobre a atuação política do analfabeto decorre do regime constitucional que estipula o(a)
  • A. voto do analfabeto como obrigatório.
  • B. exercício do voto pelo analfabeto sendo restrito.
  • C. candidatura a cargo eletivo do analfabeto como vedada.
  • D. analfabeto tendo cota para candidatar‐se nas eleições municipais.

Questão 772548

Fundação Universidade de Brasília (FUB) 2015

Cargo: Contador / Questão 35

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Superior

Julgue os itens seguintes, com relação aos direitos sociais e políticos. O analfabeto, embora inelegível, possui a faculdade de alistar-se e de votar.
  • C. Certo
  • E. Errado

Questão 772551

Fundação Universidade de Brasília (FUB) 2015

Cargo: Contador / Questão 38

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Superior

Julgue os itens seguintes, com relação aos direitos sociais e políticos. Os direitos políticos são titularizados e livremente exercidos por todos os brasileiros e garantem a participação na vida política e a influência nas decisões públicas.
  • C. Certo
  • E. Errado

Questão 797382

Tribunal Regional Eleitoral / Rio Grande do Norte (TRE RN) 2015

Cargo: Assessor Técnico de Informática / Questão 38

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Superior

No que se refere às disposições da Constituição Federal de 1988 (CF) acerca de direitos políticos, julgue o próximo item. Os direitos políticos poderão ser cassados na hipótese de condenação judicial transitada em julgado por ato de improbidade administrativa.
  • C. Certo
  • E. Errado

Questão 782786

Tribunal Regional Eleitoral / Minas Gerais (TRE MG) 2015

Cargo: Técnico Judiciário - Área Administrativa / Questão 47

Banca: CONSULPLAN Consultoria (CONSULPLAN)

Nível: Médio

“G é governador do estado Y e pretende candidatar‐se ao Senado.” Nesse caso, de acordo com as normas constantes da Constituição Federal, deverá
  • A. permanecer no cargo até o final do pleito.
  • B. permanecer no cargo até um mês antes do pleito.
  • C. renunciar ao mandato até três meses antes do pleito.
  • D. renunciar ao mandato até seis meses antes do pleito.