Questões de Concurso de Código de Ética do Assistente Social - Legislação Federal

Ver outros assuntos dessa disciplina Navegar questão a questão

Questão 843681

Prefeitura de São Luís - MA 2017

Cargo: Técnico Municipal Nível Superior/Nível IX-A - Especialidade: Assistência Social / Questão 40

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Superior

De acordo com o Código de Ética do Assistente Social, ao assistente social
  • A. é facultado realizar denúncia aos órgãos competentes dos casos de violação dos direitos humanos, no que diz respeito à ausência de condições mínimas de sobrevivência.
  • B. compete, no trabalho multidisciplinar, compartilhar todas as informações adquiridas em decorrência do exercício profissional.
  • C. é vedado integrar comissão interdisciplinar de ética em seu local de trabalho, quando se tratar de avaliação da conduta profissional de outra categoria.
  • D. cabe garantir a discussão com os usuários sobre as possibilidades das situações, devendo o assistente social respeitar as decisões daqueles, ainda que sejam contrárias a seus valores ou a suas crenças.
  • E. é permitido intervir na prestação de serviços que estejam sendo efetuados por outro profissional sempre que ele oferecer respostas mais efetivas às demandas dos usuários.

Questão 843697

Prefeitura de São Luís - MA 2017

Cargo: Técnico Municipal Nível Superior/Nível IX-A - Especialidade: Assistência Social / Questão 56

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Superior

De acordo com o estabelecido no Código de Ética do Assistente Social, assinale a opção correta.
  • A. É dever do assistente social assumir responsabilidade por atividades a ele designadas, mesmo que não esteja capacitado pessoal e tecnicamente.
  • B. É vedado ao assistente social denunciar ato de outros profissionais, mesmo contrariando os postulados éticos.
  • C. É vedado ao assistente social apresentar à justiça, quando convocado como testemunha, as conclusões do seu laudo.
  • D. É dever do assistente social participar de programas de socorro à população em situação de calamidade pública.
  • E. É dever do assistente social, no desenvolvimento de trabalho multiprofissional, compartilhar todas as informações em relação ao usuário.

Questão 843698

Prefeitura de São Luís - MA 2017

Cargo: Técnico Municipal Nível Superior/Nível IX-A - Especialidade: Assistência Social / Questão 57

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Superior

De acordo com o estabelecido no Código de Ética do Assistente Social, assinale a opção correta, com relação às penalidades decorrentes de infrações.
  • A. A penalidade de multa deve ser executada pelo Conselho Federal de Serviço Social.
  • B. A advertência pública é divulgada em diário oficial.
  • C. A advertência reservada é afixada na sede do Conselho Regional de Serviço Social em local predefinido e reservado.
  • D. A pena de multa varia entre três e doze salários mínimos.
  • E. Uma das penalidades aplicadas é a prestação de serviços à comunidade.

Questão 848579

Tribunal Regional Federal / 2ª Região (TRF 2ª) 2017

Cargo: Analista Judiciário - Área Apoio Especializado - Especialidade: Serviço Social / Questão 31

Banca: CONSULPLAN Consultoria (CONSULPLAN)

Nível: Superior

Acerca dos fundamentos ontológicos que embasam o Código de Ética de 1993 é INCORRETO afirmar que:
  • A. Os valores são criados pela subjetividade dos indivíduos, determinados pelos aspectos morais que permeiam as relações sociais.
  • B. Na sociedade burguesa, em face às contradições inerentes ao seu modo de ser é impossível a universalização de uma ética objetivadora de valores emancipatórios.
  • C. A ação ética é um processo de “generalização”, de mediação progressiva entre o primeiro impulso e as determinações externas; a moralidade torna-se ação ética no momento em que nasce a convergência entre o eu e a alteridade, entre a singularidade individual e a totalidade social.
  • D. Os seres humanos são capazes de se comportar eticamente porque desenvolveram a capacidade de agir de forma consciente e racional; de criar valores e alternativas de escolha, elaborando possibilidades de transformação das circunstâncias que impedem a livre manifestação de suas capacidades e autonomia.

Questão 848581

Tribunal Regional Federal / 2ª Região (TRF 2ª) 2017

Cargo: Analista Judiciário - Área Apoio Especializado - Especialidade: Serviço Social / Questão 33

Banca: CONSULPLAN Consultoria (CONSULPLAN)

Nível: Superior

O Código de Ética é um instrumento educativo e orientador do comportamento ético profissional do assistente social. Acerca das exigências e possibilidades da materialização do Código de Ética no cotidiano do trabalho profissional do assistente social na contemporaneidade, assinale a afirmativa INCORRETA.
  • A. A vida cotidiana é o espaço de reprodução do trabalho profissional do assistente social e a práxis é parte da cotidianidade.
  • B. O preconceito se transforma em moralismo quando julgamos o comportamento dos outros segundo critérios morais em uma situação que não é para ser julgada moralmente.
  • C. O espontaneísmo, a heterogeneidade, o pragmatismo e a repetição acrítica são características da vida cotidiana que respondem às necessidades práticas e imediatas da reprodução dos indivíduos em sua singularidade.
  • D. O Código de Ética de 1993 fornece suporte à coexistência entre uma base normativa elementar acessível à totalidade da categoria profissional e uma orientação teórica e valorativa que expressa o nível mais avançado alcançado pela profissão neste contexto histórico.

Questão 846786

Tribunal Regional do Trabalho / 11ª Região (TRT 11ª) 2017

Cargo: Analista Judiciário - Área Serviço Social / Questão 68

Banca: Fundação Carlos Chagas (FCC)

Nível: Superior

Conforme Gramsci (1978), “uma massa humana não se distingue e não se torna independente por si, sem organizar-se [...]’. A partir dessa citação e considerando que o Assistente Social em seu ambiente de trabalho mantém vínculo com outros trabalhadores, seu posicionamento profissional, pautado no atual Código de Ética, deverá ser direcionado para
  • A. a produção e socialização de conhecimentos, a fim de contribuir para o fortalecimento de sujeitos coletivos capazes de criar mecanismos de luta e participação na construção da hegemonia da classe trabalhadora.
  • B. o investimento de projetos que visem a organização dos trabalhadores para o desenvolvimento de novos comportamentos, o que corresponde a um “aculturamento”, disseminando, assim, os valores adequados às exigências da instituição e da conjuntura atual do país.
  • C. a elaboração de estratégias de organização dos trabalhadores, objetivando assegurar o engajamento integral destes no cumprimento das metas estabelecidas pela instituição, evitando possíveis questionamentos e consequente diminuição e supressão de possíveis conflitos no local de trabalho.
  • D. o desenvolvimento de propostas de organização dos trabalhadores, no espaço de trabalho, com objetivo de fortalecer a relação de subordinação e subalternidade existente, e promovendo, para além do ambiente de trabalho, ações que alcancem e interfiram positivamente na vida particular em relação à família e comunidade, para que os possíveis problemas pessoais não interfiram no processo de trabalho.
  • E. a intensificação de aplicação de metodologias e o uso de instrumentos profissionais que contribuam com a organização dos trabalhadores de modo a exercer o controle e a disciplina sobre os mesmos e a consequente satisfação na relação instituição/trabalho.

Questão 832735

Hospital Universitário de Brasília (HUB) 2017

Cargo: Multiprofissional em Atenção Oncológica - Área Serviço Social / Questão 8

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Superior

Julgue os itens a seguir, relativos a pesquisa social e projeto de intervenção. A análise de fenômenos e de processos sociais faz parte do escopo da denominada pesquisa social, cuja finalidade é científica. Por apresentarem, na maioria das vezes, riscos mínimos aos participantes, as pesquisas sociais para a elaboração de trabalhos de conclusão de curso não devem ser submetidas à revisão ética do sistema dos comitês de ética em pesquisa e da Comissão Nacional de Ética em Pesquisa (CEP/CONEP).
  • C. Certo
  • E. Errado

Questão 832738

Hospital Universitário de Brasília (HUB) 2017

Cargo: Multiprofissional em Atenção Oncológica - Área Serviço Social / Questão 11

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Superior

Com referência ao Código de Ética do(a) Assistente Social, julgue os itens subsecutivos. A bioética é um campo disciplinar que, pelo exercício analítico, possibilita o reconhecimento da pluralidade moral da humanidade. Nesse sentido, é correto afirmar que, no que tange aos princípios fundamentais, a bioética e o Código de Ética do(a) Assistente Social de 1993 estão em consonância.
  • C. Certo
  • E. Errado

Questão 832739

Hospital Universitário de Brasília (HUB) 2017

Cargo: Multiprofissional em Atenção Oncológica - Área Serviço Social / Questão 12

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Superior

Com referência ao Código de Ética do(a) Assistente Social, julgue os itens subsecutivos. É vedado ao assistente social aproveitar-se da relação profissional-usuário para obter vantagens pessoais ou para terceiros como, por exemplo, coletar informações para fins de pesquisa científica, sem esclarecimentos prévios acerca dos objetivos vigentes.
  • C. Certo
  • E. Errado

Questão 832740

Hospital Universitário de Brasília (HUB) 2017

Cargo: Multiprofissional em Atenção Oncológica - Área Serviço Social / Questão 13

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Superior

Com referência ao Código de Ética do(a) Assistente Social, julgue os itens subsecutivos. É dever do assistente social, independentemente de solicitação, intervir na prestação de serviços que estejam sob a responsabilidade de outro profissional da instituição de saúde, como por exemplo, no processo terapêutico atribuído ao psicólogo.
  • C. Certo
  • E. Errado