Língua Portuguesa Texto

Mas pouco a pouco venci o poeta. Hoje ele é um desses quatro ou cinco que já não distingo mais em meu sentimento. É um homem espantosamente rico e inteligente. Não há balda, como se diz em Minas, que lhe passe. Sua capacidade inventiva, no domínio da psicologia lírica, é assombrosa. Marca não importa quem, com dois ou três traços essenciais. Sua poesiabissexta, como se diz, segundo a expressão de Prudente de Morais Neto – porque vem de raro em raro –, é excelente. Quem não leu "O Defunto" não sabe o que é sugestão de morte. É o poema mais "incômodo" que há. Perturba o tempo todo, irremediavelmente.

Das alternativas abaixo, escolha aquela em que se faz uma afirmação CORRETA:

  • A.

    "Mas pouco a pouco venci o poeta": o enunciador do texto, não falecendo na operação a que se submeteu, mostrou a Pedro Nava que este estava equivocado em seus receios

  • B.

    "Hoje ele é um desses quatro ou cinco que já não distingo mais em meu sentimento": esse período revela a capacidade que tem o enunciador do texto de neutralizar, ou reduzir a um mínimo, o desconforto que as diferenças de maneiras de ser, entre os amigos, podem causar

  • C.

    o terceiro período (do parágrafo acima destacado) traz uma informação nova que é a condição sócioeconômica de Pedro Nava

  • D.

    "O Defunto", ou "o poema mais incômodo que há", é uma exceção, um caso à parte no conjunto da "poesiabissexta" de Pedro Nava, que "é excelente"

  • E.

    "Quem não leu 'O Defunto' não sabe o que é" algo, como um poema, dar a entender a idéia de morte, fazer ver o que ela é