Questões de Concurso de Literatura - Língua Portuguesa

Ver outros assuntos dessa disciplina Navegar questão a questão

Questão 844443

Secretaria de Estado de Educação - DF (SEE/DF) 2017

Cargo: Professor Substituto - Área Língua Portuguesa / Questão 78

Banca: Instituto Quadrix

Nível: Superior

A partir do texto acima, julgue os itens a seguir. Clarice Lispector é considerada uma autora da terceira geração modernista, que surge no contexto pós-ditadura do Estado Novo no Brasil.
  • C. Certo
  • E. Errado

Questão 735941

Consórcio Intermunicipal para Desenvolvimento da Saúde Pública - RJ (CODESP/RJ) 2014

Cargo: Auxiliar de Enfermagem / Questão 1

Banca: CONSULPLAN Consultoria (CONSULPLAN)

Nível: Médio

Comumente escritas para colunas de jornais e revistas, as crônicas são textos geralmente curtos que registram o cotidiano. Considerando, porém, a intenção do escritor, pode‐se concluir mais precisamente que a finalidade dessa crônica é
  • A. comover o leitor.
  • B. narrar uma história.
  • C. transmitir conhecimentos.
  • D. defender um ponto de vista.
  • E. descrever os recursos do computador.

Questão 678513

Secretaria da Educação - CE (SEDUC/CE) 2013

Cargo: Professor de Classe Pleno I - Área Língua Portuguesa / Questão 32

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Superior

Assinale a opção correta no que se refere à associação entre o poema Aos Caramurus da Baía e as relações sociais e históricas presentes no Barroco do Brasil seiscentista.

  • A.

    A partir do ponto de vista adotado no poema, o poeta expressa uma visão de mundo identificada à perspectiva do indígena e do negro escravizados.

  • B.

    O emprego de vocábulos da língua indígena no poema constituía um obstáculo para o público leitor do século XVII, para o qual a língua, a cultura e a ascendência indígenas eram, já àquela época, influências bastante remotas.

  • C.

    No poema, há prevalência de uma preocupação com a elaboração estética da linguagem, em detrimento de uma descrição da vida social.

  • D.

    A linhagem apresentada no poema corresponde historicamente à formação da cultura brasileira, fruto da mistura pacífica e consensual entre brancos, indígenas e negros.

  • E.

    O tema central do poema está associado à posição periférica do colono brasileiro, que buscava negar sua origem a fim de superar a condição colonial a que estava sujeito.

Questão 678514

Secretaria da Educação - CE (SEDUC/CE) 2013

Cargo: Professor de Classe Pleno I - Área Língua Portuguesa / Questão 33

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Superior

No que se refere ao Arcadismo brasileiro, assinale a opção correta.

  • A.

    No Arcadismo brasileiro, o cenário de locus amoenus é construído a partir da representação da dominação indígena.

  • B.

    Na poesia árcade brasileira, a referência à mitologia clássica é o elemento por meio do qual o poeta procura vincular seu texto à tradição clássica.

  • C.

    No Arcadismo brasileiro, os indígenas não foram representados literariamente, ao contrário do Romantismo, que inaugurou a exploração dessa temática.

  • D.

    O predomínio do verso branco e a descrição da natureza como sombria e melancólica são características marcantes do movimento árcade no Brasil.

  • E.

    Na poesia árcade brasileira, predomina o rebuscamento da linguagem, revelado pela prevalência da ordem indireta dos versos e pela complexidade das ideias.

Questão 678515

Secretaria da Educação - CE (SEDUC/CE) 2013

Cargo: Professor de Classe Pleno I - Área Língua Portuguesa / Questão 34

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Superior

  • A.

    A poesia social do Arcadismo brasileiro sofreu influência do Iluminismo europeu, mas não chegou a repercutir nos movimentos nacionalistas posteriores que culminaram na Independência em 1822.

  • B.

    As Cartas Chilenas situam-se no panorama da literatura árcade brasileira como exemplo de obra em que predomina a visão utópica dos nativistas, transfiguradores da realidade concreta do país.

  • C.

    Os poetas árcades brasileiros, apesar de escreverem obras de teor crítico à situação política da época, mantiveram-se distantes das ações concretas contra o domínio português.

  • D.

    A literatura brasileira, desde o período árcade, foi uma literatura de dois gumes, porque tanto impôs os padrões culturais europeus, quanto revelou as contradições da colonização.

  • E.

    O fracasso da Inconfidência Mineira evidencia a imaturidade dos eruditos brasileiros, que, à época, não estavam aptos a compreender as profundas desarmonias entre colônia e metrópole.

Questão 678516

Secretaria da Educação - CE (SEDUC/CE) 2013

Cargo: Professor de Classe Pleno I - Área Língua Portuguesa / Questão 35

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Superior

  • A.

    O casal Aurélia e Seixas ajusta-se perfeitamente ao estereótipo do par amoroso idealizado pelo Romantismo brasileiro.

  • B.

    A referência ao dinheiro, em Senhora, deve ser compreendida como metáfora que revela ao leitor a intensidade do amor de Fernando Seixas por Aurélia.

  • C.

    O ideal do amor cortês de origem medieval predomina em Senhora, pela expressão de submissão do vassalo enamorado às ordens e caprichos de sua senhora.

  • D.

    A cena retratada no fragmento sintetiza tema característico dos romances urbanos românticos: o arrebatamento causado pelo amor, que determina a ação dos personagens.

  • E.

    A influência do Romantismo europeu, que questionava as relações sociais burguesas mediadas pelo dinheiro, é perceptível em Senhora.

Questão 678517

Secretaria da Educação - CE (SEDUC/CE) 2013

Cargo: Professor de Classe Pleno I - Área Língua Portuguesa / Questão 36

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Superior

A partir da leitura comparativa entre os textos I e II, assinale a opção correta acerca da diferença entre a produção literária realista e a naturalista no Brasil.

  • A.

    No texto I, o narrador, onisciente, relata os acontecimentos em terceira pessoa e distanciado da ação; no texto II, o narrador participa da ação e narra em primeira pessoa.

  • B.

    O texto machadiano apresenta uma relação amorosa legitimada pela sociedade da época, enquanto o de Azevedo refere-se a uma situação condenada socialmente: o adultério.

  • C.

    No texto I, Virgília é descrita de maneira humanizada; no texto II, Rita é apresentada de forma zoomorfizada.

  • D. Tal como se depreende da leitura dos textos I e II, as ações de Virgília eram regidas pelo instinto; as de Rita, impedidas pelo medo.
  • E.

    Os personagens de Machado de Assis pertencem às classes populares e os de Aluísio Azevedo representam as classes dominantes.

Questão 678518

Secretaria da Educação - CE (SEDUC/CE) 2013

Cargo: Professor de Classe Pleno I - Área Língua Portuguesa / Questão 37

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Superior

Tendo como referência os textos I e II, assinale a opção correta acerca da representação literária da vida social pelas obras realistas e naturalistas.

  • A.

    No Naturalismo, o escritor evidencia a subjetividade de personagens objetivamente degradados.

  • B.

    Em O Cortiço, o determinismo impede que os personagens alcancem um destino social e econômico diferente daquele determinado pelo meio em que vivem.

  • C.

    Aluísio Azevedo procura aproximar sua arte das ciências naturais e sociais, o que o impede de produzir uma representação social marcada pelo preconceito de classe e pelo racismo.

  • D.

    Em Memórias Póstumas de Brás Cubas, de Machado de Assis, predomina a descrição dos ambientes sobre a ação dos personagens.

  • E.

    Na obra realista, o foco na perspectiva psicológica dos personagens impede a representação profunda e crítica da vida social.

Questão 678519

Secretaria da Educação - CE (SEDUC/CE) 2013

Cargo: Professor de Classe Pleno I - Área Língua Portuguesa / Questão 38

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Superior

  • A.

    No poema, o vaso chinês é descrito de forma objetiva, distante e fria, desprezando-se o detalhe em favor da produção da cena estática.

  • B.

    A estética da arte pela arte adotada por Alberto de Oliveira no poema valoriza a plasticidade da forma literária.

  • C.

    A predileção pelo soneto e pelos ritmos medievais vincula esse poema à tradição lírica romântica.

  • D.

    No poema, é rejeitada qualquer temática do cotidiano, evidenciando-se tratamento estético grandioso.

  • E.

    O poema caracteriza-se pela ausência absoluta do eu lírico e de qualquer referência ao sentimento amoroso.

Questão 678520

Secretaria da Educação - CE (SEDUC/CE) 2013

Cargo: Professor de Classe Pleno I - Área Língua Portuguesa / Questão 39

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Superior

No que se refere às características gerais do Simbolismo, assinale a opção correta.

  • A.

    Na poesia simbolista, a realidade externa se sobrepõe à realidade interior expressa pelo sujeito lírico, de modo que prevaleça o caráter descritivo.

  • B.

    O Simbolismo preconizava a correspondência entre poeta, poesia e natureza, e vigoravam, na poética simbolista, o inefável e a música dos versos.

  • C.

    No poema simbolista, a imaginação poética livre transcende os limites da realidade externa, o que se evidencia na forma poética desapegada da rima e da métrica rígida.

  • D.

    Os simbolistas consideravam a arte, sobretudo, trabalho exigente: o poema era um artefato raro e precioso, e o poeta devia buscar a expressão objetiva.

  • E.

    Embora o Simbolismo europeu esteja muito ligado ao decadentismo, essa tendência não teve nenhuma repercussão entre os poetas brasileiros simbolistas.