Medicina Especialidade Cardiologia

Sobre o prognóstico de um paciente com insuficiência mitral crônica, é correto afirmar:

  • A.

    A presença de fibrilação atrial não interfere no prognóstico.

  • B.

    Pacientes com doença arterial coronariana têm pior prognóstico do que os com degeneração mixomatosa como causas de insuficiência mitral crônica.

  • C.

    Pacientes com seqüela de febre reumática têm pior prognóstico do que os com doença arterial coronariana como causas de insuficiência mitral crônica.

  • D.

    Pacientes com seqüela de febre reumática têm melhor prognóstico do que os com degeneração mixomatosa como causas de insuficiência mitral crônica.

  • E.

    Pacientes com diâmetro sistólico final do ventrículo esquerdo de 55 mm têm bom prognóstico.