Medicina Especialidade Cardiologia

               Uma mulher de 45 anos de idade foi trazida para atendimento emergencial pois, segundo seus familiares, há cerca de 2 dias, vem apresentando cefaléia generalizada, com intensidade inicialmente moderada e que nas últimas horas passou a ser muito intensa e associou-se a naúseas e vômitos, irritabilidade, escotomas cintilantes, episódios de confusão mental (não sabia onde estava e quem eram seus familiares), culminando com sonolência muito importante. É portadora de hipertensão arterial e no último mês suspendeu por conta própria a medicação e iniciou uso de beberagem caseira. O exame clínico mostra paciente com rebaixamento do nível de consciência (estupor), sem sinais de localização neurológica, a pressão arterial é de 220 mmHg × 130 mmHg, e o exame de fundo de olho revela espasmo intenso e generalizado das arteríolas retinianas (artérias em "fio de prata"), papiledema e exsudatos algodonosos bilateralmente.

Considerando o caso clínico hipotético acima, julgue os itens que se seguem.

O mecanismo fisiopatológico básico dessa condição clínica é a hemorragia intracerebral de moderada magnitude.

  • C. Certo
  • E. Errado