Medicina Especialidade Cardiologia

Texto para os itens de 86 a 114

        Uma paciente de 15 anos de idade procurou atendimento médico com relato de que, há cerca de três meses, iniciou dispnéia aos esforços não-habituais e, há um mês, a falta de ar passou a ocorrer a esforços bem menores, passando a apresentar ortopnéia e acessos de tosse seca no período noturno — interrompendo por vezes seu sono. Informa também que, há uma semana, vem apresentando inchaço nos membros inferiores. Nega febre no período. Nega outras doenças pessoais e familiares. O exame clínico mostrou paciente normolínea, com índice de massa corporal de 22 kg/m 2 , pressão arterial de 123 mmHg × 68 mmHg e freqüência cardíaca de 90 bpm. Pulmões com discretos estertores nos terços inferiores de ambos hemitóraces. Exame cardiovascular: ictus cordis no 5.º espaço intercostal esquerdo, na linha hemiclavicular esquerda, com 2 cm de extensão, normoimpulsivo. Ritmo cardíaco regular em 2 tempos, com importante hiperfonese da primeira e da segunda bulha (com ausência de desdobramento — segunda bulha única — à manobra de Rivero-Carvallo, em área pulmonar), presença de estalido de abertura da mitral, de sopro diastólico de grau 2 (Levine) e reforço pré-sistólico mais bem audíveis na área mitral; na área tricúspide foi auscultado um sopro holossistólico, +3/+6, sem irradiação, suave, intensificado com a realização da manobra de Rivero-Carvallo. Pulsos arteriais palpáveis, simétricos e normoimpulsivos. Ausência de turgência jugular com cabeceira do leito a 45º. Abdome livre, sem alterações. Leve edema em membros inferiores, com sinal de Godet presente e indolor.

Com base no caso clínico apresentado no texto, julgue os itens seguintes.

As informações clínicas apresentadas permitem inferir que há dilatação do ventrículo esquerdo, de grau moderado a importante.

  • C. Certo
  • E. Errado