Medicina Especialidade Cardiologia

Considere que, durante o exame físico cardiovascular de um jovem de quatorze anos de idade, assintomático, a única alteração tenha sido a ausculta de um sopro sistodiastólico, grau 3 de Levine, mais bem audível na base do pescoço, próximo à inserção do músculo esternocleidomastóideo à direita (estando o paciente com a cabeça virada na direção oposta), com irradiação para a fossa supraclavicular direita, audível na posição sentada e que desaparece quando o paciente assume o decúbito dorsal e ao se comprimir suavemente a veia jugular interna direita. Não foram detectadas quaisquer outras alterações no exame clínico desse paciente.

Com base no caso clínico apresentado, julgue os itens a seguir.

A persistência do ducto arterioso é importante diagnóstico diferencial que deve ser considerado e, eventualmente, investigado quando se ausculta esse tipo de sopro.

  • C. Certo
  • E. Errado