Medicina Especialidade Cardiologia

A avaliação do quadro hematológico de crianças portadoras de cardiopatias congênitas é essencial para diagnosticar situações de risco que requer abordagens terapêuticas especiais. A série vermelha necessita de controles regulares por conta de implicações decorrentes de transtornos anêmicos subjacentes que só fazem agravar os efeitos das lesões cardíacas congênitas. Com base nessas informações, assinale a opção correta.

  • A.

    A extração dentária, em pacientes policitêmicos portadores de cardiopatia congênita cianótica, sem sangramentos, dispensa avaliação de distúrbios da coagulação.

  • B.

    A baixa viscosidade do sangue policitêmico em crianças com cardiopatia congênita cianótica aumenta o risco de trombose vascular, principalmente das veias cerebrais.

  • C.

    O aumento da policitemia, frequentemente associada à cefaleia, à fadiga e à dispneia ou, ainda, à combinação dessas condições, é indicação para cirurgia paliativa ou corretiva da cardiopatia congênita em curso.

  • D.

    Nos lactentes portadores de cardiopatias congênitas acianóticas com shunts esquerda-direita, a insuficiência cardíaca instala-se na fase posterior à anemia fisiológica da infância.

  • E.

    A policitemia é situação frequente nos pacientes portadores de cardiopatias acianóticas com shunt direita-esquerda.