Medicina Especialidade Cirurgias Cirurgia Cardíaca

Um paciente, no pós-operatório de revascularização do miocárdio completa eletiva com função ventricular normal, foi admitido na unidade de terapia intensiva em boas condições. Aproximadamente seis horas após a admissão, evoluiu com pressão arterial de 80 mmHg × 40 mmHg, pressão venosa central de 20 mmHg, frequência cardíaca de 120 batimentos por minuto em ritmo sinusal e diurese de 20 mL na última hora. O débito pelo dreno mediastinal foi de 100 mL/h nas três horas antecedentes. Nesse caso, o diagnóstico mais provável é

  • A.

    tamponamento cardíaco.

  • B.

    infarto do miocárdio.

  • C.

    embolia pulmonar.

  • D.

    fibrilação ventricular.

  • E.

    pneumotórax.