Medicina Especialidade Cirurgias Cirurgia de Cabeça e Pescoço

Texto para as questões de 31 a 35

Um paciente tabagista e etilista de longa data foi à consulta ao otorrinolaringologista, devido à dor de ouvido e uma discreta dificuldade de abrir a boca. Ao examinar o ouvido do paciente, o médico nada encontrou de anormal, porém, ao exame clínico minucioso, percebeu um tumor na loja amigdaliana direita, com 2,5 cm no seu maior diâmetro, com trismo presente, e um linfonodo cervical do mesmo lado, com 2 cm. A biópsia revelou ser um carcinoma epidermoide.

Caso o cirurgião de cabeça e pescoço opte por realizar tratamento de preservação do órgão, o procedimento mais utilizado pela maioria dos oncologistas (clínico e cirurgião de cabeça e pescoço), atualmente, é a realização de

  • A.

    dois ciclos de quimioterapia com taxol e 5-fluoracil.

  • B.

    dois ciclos de quimioterapia com carbamazina, taxol e 5-fluoracil.

  • C.

    um ciclo de quimioterapia com cisplatina, 5-fluoracil.

  • D.

    dois ciclos de quimioterapia com cisplatina, docetaxel e 5-fluoracil, com regressão, mais um ciclo seguido de quimioradioterapia.

  • E.

    dois ciclos de quimioterapia com cisplatina.