Medicina Especialidade Cirurgias Cirurgia Pediátrica

Entre as principais indicações de transplante hepático na criança, destacam-se as doenças colestáticas decorrentes de anomalias congênitas do trato biliar. Com relação a essas anomalias, assinale a alternativa correta.

  • A.

    A doença de Caroli, com herança autossômica recessiva, pode ser representada por qualquer tipo de dilatação difusa da via biliar, sem lesão parenquimatosa.

  • B.

    Nos cistos de colédoco com dissecção externa dificultada pelas aderências e processo inflamatório, deve-se proceder à técnica de Lilly e Todani com marsupialização do cisto.

  • C.

    As alterações do parênquima hepático secundárias à obstrução do fluxo biliar traduzem-se por alterações lobulares com tumefação e transformação gigantocelular dos hepatócitos, necroses focais, corpúsculos de Councilman e fibrose pericelular.

  • D.

    Em casos de poliesplenia, chamada malformação esplênica com atresia de vias biliares, o prognóstico é mais favorável que em casos de atresia das vias biliares isoladas.

  • E.

    A avaliação do resultado da operação de Kasai deve ser feita já no pós-operatório imediato e, se não houver evidências de um bom fluxo biliar estabelecido, deve-se indicar a reintervenção cirúrgica.