Medicina Especialidade Cirurgias Cirurgia Torácica

Os sinais e sintomas são importantes no diagnóstico de dissecção da aorta, sendo possível sua confirmação em mais de 60% dos casos. Em 25% dos casos é necessário realizar exames complementares, e em 15% o diagnóstico somente é reconhecido na autópsia. A esse respeito, assinale a alternativa incorreta.

  • A.

    Habitualmente, o derrame pleural se deve à reação inflamatória ou ruptura da aorta no espaço pleural.

  • B.

    A presença de dor torácica e a ausência de pulsos periféricos são sugestivas de dissecção da aorta.

  • C.

    A insuficiência aórtica é um achado frequente na dissecção de aorta tipo “B” de “Stanford”.

  • D.

    O eletrocardiograma tem importância na distinção com a síndrome coronariana aguda.

  • E.

    O alargamento da silhueta aórtica encontra-se presente em mais de 80% dos casos.