Medicina Especialidade Clínica Cirúrgica

Um paciente de 48 anos com risco cirúrgico II tem diagnóstico confirmado por colangiopancreatografia endoscópica retrógrada e ressonância magnética de colangiocarcinoma, com classificação de Bismuth do tipo I, sem comprometimento da vascularização hepática. Nessas condições, qual a melhor opção cirúrgica?

  • A.

    excisão do tumor com reconstituição por hepático- jejunostomia

  • B.

    ressecção do lobo direito com reconstituição por hepático-jejunostomia

  • C.

    ressecção do lobo esquerdo com reconstituição por hepático-jejunostomia

  • D.

    transplante hepático

  • E.

    drenagem transtumoral endoscópica e radioterapia