Medicina Especialidade Clínica Geral

Um homem de 45 anos, com antecedente de tabagismo (30 maços/ano), notou, há dois meses, tumoração no pescoço; não há outros sintomas. Ao exame físico, a única alteração é a presença de um gânglio de 3 cm de diâmetro, endurecido, em cadeia cervical anterior direita. Radiografia simples de tórax dentro dos limites da normalidade. A biópsia do gânglio revelou a presença de carcinoma espinocelular. O sítio primário mais importante a ser investigado nesse caso, devido à possibilidade de tratamento curativo, é

  • A.

    cavidade oral e nasofaringe.

  • B.

    pulmão.

  • C.

    próstata.

  • D.

    estômago.

  • E.

    esôfago.