Medicina Especialidade Clínica Geral

Um paciente com quarenta e cinco anos de idade, dono de uma microempresa, procurou um posto de saúde, onde relatou ser tabagista de vinte maços/ano e solicitou ajuda e orientação para deixar de fumar. Ele negou a existência de sintomas respiratórios e de comorbidades, e o seu exame físico encontra-se sem alterações.

Considerando o caso clínico acima, julgue os próximos itens.

O elevado grau de dependência da nicotina reforça a decisão de se associar a abordagem não farmacológica com a prescrição do tratamento farmacológico.

  • C. Certo
  • E. Errado