Medicina Especialidade Clínica Geral

Paciente de oitenta anos de idade relatou, em consulta em ambulatório, apresentar, havia um ano, sintomas compatíveis com dispneia progressiva, dispneia aos mínimos esforços e episódios de dispneia paroxística noturna. O exame físico mostrou PA de 130 mmHg × 70 mmHg, ritmo cardíaco em três tempos (terceira bulha) e ictus visível e palpável no 5.º espaço intercostal esquerdo na linha axilar anterior esquerda. Observou-se, ainda, sopro holossistólico de grau 4 (classificação de Levine), com frêmito, mais bem audível no 2.º espaço intercostal direito na linha hemiclavicular à direita, com irradiação para as artérias carótidas, além de turgência jugular a 30º. A ausculta pulmonar revelou estertores crepitantes em bases pulmonares. No exame físico, o paciente não apresentou outras alterações. O eletrocardiograma do paciente mostrou sobrecarga ventricular esquerda.

Considerando o caso clínico acima, julgue os seguintes itens.

A principal hipótese diagnóstica, nesse caso, é de insuficiência aórtica de etiologia reumática.

  • C. Certo
  • E. Errado