Medicina Especialidade Clínica Geral

Em relação à epidemiologia e manejo clínico da doença vascular hipertensiva, selecione a afirmativa correta.

  • A.

    Não há evidência epidemiológica da associação do aumento da prevalência da hipertensão arterial e a obesidade.

  • B.

    O aumento da atividade do eixo renina-angiotensina-aldosterona está, invariavelmente, associado à hipertensão arterial.

  • C.

    A redução da pressão arterial sistólica em 10 a 12 mmHg e da pressão diastólica de 5 a 6 mmHg com a terapia medicamentosa confere redução de risco relativas de 35 a 40% para acidente vascular cerebral e 12 a 16% para insuficiência cardíaca congestiva, em um período de 5 anos do início do tratamento.

  • D.

    Apesar da terapia medicamentosa reduzir a mortalidade cardiovascular, não se observa redução do risco de desenvolver insuficiência cardíaca.

  • E.

    Os beta bloqueadores sem atividade simpaticomimética intrínseca, reduzem a taxa de morte súbita, mortalidade geral e infarto do miocárdio recorrente, mas em pacientes com insuficiência cardíaca congestiva, não reduziram os riscos de hospitalização e mortalidade.