Medicina Especialidade Clínica Geral

Homem de 40 anos realizou ultrassonografia abdominal que mostrou imagem isoecogênica de 4 cm em lobo hepático direito. Para melhor esclarecimento da lesão, o seu médico assistente solicitou uma tomografia computadorizada dinâmica que confirmou a presença de lesão homogênea, com captação arterial rápida de contraste, além de perda também rápida da captação na fase venosa. Notava-se, ainda, cicatriz central hipodensa, contendo artéria que dava origem a múltiplos ramos contrastados (aspecto de roda-de-carruagem). A principal hipótese diagnóstica é:

  • A.

    hamartoma.

  • B.

    abscesso amebiano.

  • C.

    hemangioma cavernoso.

  • D.

    linfoma

  • E.

    hiperplasia nodular focal.