Medicina Especialidade Clínica Geral

Paciente masculino, 28 anos de idade, com diagnóstico de epilepsia, apresenta-se com quadro de crises convulsivas prolongadas e sem a recuperação da consciência há mais de 60 minutos. Em relação ao caso acima, assinale a alternativa CORRETA.

  • A.

    Trata-se de estado de mal convulsivo, sendo o propofol a primeira droga a ser administrada, devido a seu efeito anticonvulsivo potente.

  • B.

    A causa de base não é determinante do prognóstico no estado de mal convulsivo e sim a duração da crise convulsiva, que induz a dano neuronal progressivo.

  • C.

    causa de base não é determinante do prognóstico no estado de mal convulsivo e sim a duração da crise convulsiva, que induz a dano neuronal progressivo.

  • D.

    causa de base não é determinante do prognóstico no estado de mal convulsivo e sim a duração da crise convulsiva, que induz a dano neuronal progressivo.

  • E.

    Embora seja elevado o risco de injúria neuronal, a mortalidade associada ao estado de mal convulsivo, diagnóstico do paciente em questão, é baixa.