Medicina Especialidade Clínica Geral

Um homem com 35 anos de idade procurou assistência de emergência em um hospital de nível secundário, com relato de dor, de grande intensidade, do tipo cólica, localizada no flanco esquerdo, com irradiação para a fossa ilíaca esquerda, que teve início súbito há cerca de 4 horas, associada a palidez cutânea, náuseas, vômitos e urina escurecida. Ele negava febre, calafrios e outras doenças prévias. O exame físico mostrou: fáscies de dor aguda, frequência cardíaca de 105 bpm, pressão arterial de 135 mmHg × 80 mmHg (sentado, medida no membro superior direito), e a única alteração foi a constatação da presença do sinal de Giordano à esquerda. No hemograma, não foram observadas anormalidades. O EAS (exame sumário de urina) evidenciou 50 hemácias por campo, sem outras anormalidades. Dosagens séricas de ureia e creatinina sérica tiveram valores iguais a 30 mg/dL e 1,0 mg/dL, respectivamente.

Com base nas informações desse quadro clínico, julgue os itens a seguir.

A verificação da presença do sinal de Giordano é feita com o paciente na posição de decúbito ventral, e representa o relato de dor quando o observador realiza a palpação superficial da região lombar. No caso clínico em questão, a constatação desse sinal indica processo infeccioso na região retroperitoneal.

  • C. Certo
  • E. Errado