Medicina Especialidade Clínica Geral

Um paciente de vinte e oito anos de idade foi atendido em emergência hospitalar apresentando febre não superior a 38,5o C (com base em medição da temperatura axilar), tosse improdutiva e dispneia progressiva, quadro que, segundo o paciente, prolongavase havia dez dias. O paciente relatou que, havia onze meses, sofria de diarreia crônica e emagrecia significativamente. Ao exame físico, apresentou-se hemodinamicamente estável, com 27 respirações por minuto e placas esbranquiçadas em orofaringe, e ausculta cardíaca e pulmonar normais. Apresentou, ainda leucopenia com linfopenia e PaO2 de 55 mmHg à gasometria arterial colhida em ar ambiente. Os resultados do raio X de tórax revelaram infiltrado reticular heterogêneo, difuso, bilateral e simétrico.

Nesse caso clínico, a conduta terapêutica mais indicada consiste na administração de

  • A.

    penicilina cristalina.

  • B.

    claritromicina.

  • C.

    trimetoprim-sulfametoxazol.

  • D.

    gatifloxacina.

  • E.

    ciprofloxacina.