Medicina Especialidade Clínica Geral

Uma mulher de 44 anos, portadora de cirrose por vírus C, é levada ao pronto-socorro com história de inversão do ritmo sono-vigília e períodos de confusão mental. Ao exame físico está sonolenta, ictérica, com asterix e ascite. Os exames mostram Hb = 10,9 g/dL, leucócitos = 9.000/mm3, bastonetes = 9%, segmentados = 70%, eosinófilos = 5%, linfócitos = 16%, plaquetas = 112 mil/mm3, glicemia = 104 mg/dL, uréia = 69 mg/dL, creatinina = 1,9 mg/dL, com sódio = 129 mEq/L, potássio = 4,8 mEq/L, sedimento urinário e radiografia de tórax normais. É realizada uma punção do líquido ascítico que mostra 690 células, sendo 40% polimorfonucleares, 60% linfomononucleares. A melhor conduta é tratar com

  • A.

    albumina IV e lactulose VO.

  • B.

    cefalosporina de 3a geração e albumina IV.

  • C.

    cefalosporina de 3a geração associada a metronidazol IV.

  • D.

    esquema tríplice para tuberculose.

  • E.

    lactulose e neomicina VO.