Medicina Especialidade Clínica Geral

Diante de um paciente com suspeita de síndrome coronária aguda, além da anamnese e do exame físico direcionados, recomenda-se a seguinte abordagem em relação ao eletrocardiograma (ECG) e ao marcador de necrose miocárdica (MNM):
  • A. realizar dosagem sérica da MNM na admissão e a monitorização do ECG após dez minutos da admissão; e repetir dosagem sérica de MNM entre seis e nove horas.
  • B. inicialmente, realizar a monitorização do ECG; caso seja normal, repetir em uma hora, caso apresente elevação do segmento ST, realizar dosagem sérica da MNM e repetir entre doze e 24 horas.
  • C. nos pacientes com alto índice de suspeita clínica em que duas amostras de MNM forem negativas, uma terceira amostra é desnecessária, mas é necessário realizar novamente a monitorização do ECG em 24 horas.
  • D. realizar monitorização de ECG e dosagem sérica de MNM a cada seis horas, por 24 horas, caso nenhum dos exames esteja alterado.
  • E. realizar monitorização contínua com monitor de ECG durante 24 horas e, caso apresente rebaixamento do segmento ST, realizar dosagem sérica da MNM e repetir entre doze e 24 horas.