Medicina Especialidade Dermatologia

Um lavrador com 22 anos de idade, natural do Piauí, procurou atendimento médico, queixando-se de furúnculo na perna. Relatou que, há 3 meses, após picada de inseto na perna direita, surgiu-lhe lesão papulonodular. Ele foi medicado com cefalexina oral e neomicina em pomada, sem melhora. A lesão progrediu para ulceração e apareceram dois nódulos adjacentes. O paciente negou a ocorrência de sintomas locais ou sistêmicos. Antecedentes pessoais: asma e rinite. Antecedentes familiares: hipertensão e diabetes melito. Ao exame dermatológico, verificou-se a existência de úlcera medindo 3 cm × 3 cm, com fundo granuloso, bordas elevadas, localizada na face lateral do terço médio da perna direita.

A respeito do caso clínico acima e de aspectos correlatos, julgue os próximos itens.

É freqüente, na hanseníase na forma tuberculóide, a existência de células de Virchow abarrotadas de bacilos de Hansen, alguns agrupados em globias.

  • C. Certo
  • E. Errado