Medicina Especialidade Endocrinologia

Texto para as questões 26 e 27

Uma paciente, de 36 anos de idade, foi atendida por um endocrinologista, conforme encaminhamento feito por clínico geral, devido à detecção de nódulo tireoidiano. Clinicamente, não apresentava quadro sugestivo de disfunção tireoidiana e, ao exame físico, observou-se nódulo de aproximadamente 2 cm de diâmetro na base do lobo esquerdo, além de adenomegalia cervical ipsilateral.

A paciente mencionada no caso apresentado relatou, em visita de retorno, quadro de diarréia há cerca de 3 meses, freqüência de 4 a 5 evacuações por dia, fezes amolecidas, sem muco, pus ou sangue, além de perda de 5 kg no período. Com base nesses dados adicionais, o exame bioquímico capaz de definir a natureza da lesão é

  • A.

    o TSH plasmático.

  • B.

    a calcitonina plasmática.

  • C.

    o paratormônio plasmático.

  • D.

    o T4L sérico.