Medicina Especialidade Endocrinologia

Texto para as questões de 46 a 48

Uma paciente, com vinte e cinco anos de idade, percebeu aumento do volume cervical enquanto escovava os cabelos. Procurou assistência médica, negando história de tireoidopatia na família. Negou ainda quaisquer manifestações clínicas compatíveis com disfunção tireoidiana. Ao exame físico, apresentava bócio uninodular, de 3 cm no maior diâmetro, ocupando base de LE, sólido, indolor, móvel à deglutição. Não se evidenciou adenomegalia cervical palpável. As dosagens de TSH e T4L séricos estavam normais. Os exames de anticorpos antitireoidianos foram negativos.

Ainda com relação ao mesmo caso clínico, considere que tenha sido diagnosticado câncer papilífero de tireoide. A paciente foi submetida a tireoidectomia total, evoluindo no pós-operatório imediato com cãibras. Nesse caso, o diagnóstico correto é de

  • A.

    hipoparatireoidismo.

  • B.

    lesão do nervo laríngeo recorrente.

  • C.

    iatrogenia clínica.

  • D.

    hipocalemia.

  • E.

    hipotireoidismo.