Medicina Especialidade Gastroenterologia

Em relação à estenose cáustica esofágica, assinale a opção correta.

  • A.

    A perfuração é a complicação mais preocupante na realização da dilatação endoscópica da estenose.

  • B.

    A estenose cáustica do esôfago é marcada pelo aparecimento da disfagia rápida e progressiva após cerca de duas semanas da ingesta cáustica.

  • C.

    Segundo a classificação endoscópica de Zargar, as queimaduras de graus 2b e 3 têm baixa probabilidade de evolução para estenose do esôfago.

  • D.

    A dilatação endoscópica da estenose cáustica do esôfago apresenta resultado ruim em casos de anel estenótico único e fino.

  • E.

    Nos casos de estenose cáustica refratária, a utilização de esteroide intralesional prejudica a resposta à dilatação endoscópica.