Medicina Especialidade Geriatria

Sobre as úlceras de pressão, é CORRETO afirmar que:

  • A.

    lesão que ultrapassa a epiderme, derme e tecido subcutâneo, atingindo a fascia subjacente, sem transfixá-la, caracteriza o estágio III;

  • B.

    a hiperemia persistente, associada ou não à formação de bolhas, caracteriza o estágio II das úlceras de pressão;

  • C.

    a hiperemia não persistente é o que caracteriza a úlcera de pressão em seu estágio inicial I;

  • D.

    o debridamento cirúrgico é a única opção para as lesões com área de necrose;

  • E.

    os antibióticos tópicos são a primeira opção para o tratamento das úlceras de pressão infectadas.