Questões de Concurso de Histocompatibilidade - Medicina

Ver outros assuntos dessa disciplina Navegar questão a questão

Questão 531729

Instituto Nacional de Câncer (INCA) 2010

Cargo: Tecnologista Júnior - Área Medicina - Especialidade: Histocompatibilidade / Questão 41

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Superior

O estudo dos antígenos eritrocitários e de seus anticorpos forma a base da medicina transfusional. Esses antígenos estão vinculados a um sistema de grupos sanguíneos com base na estrutura e semelhança dos epitopos determinantes. O sistema de grupos sanguíneos, ou sistema ABO, foi descoberto, em 1900, por Leindsteiner, que classificou os indivíduos da espécie humana em quatro grupos segundo a presença ou ausência de antígenos nas hemácias e dos anticorpos naturais no soro. A esse respeito, julgue os próximos itens.

Os grupos sanguíneos são clinicamente importantes em terapia transfusional, em transplantes de órgãos e na incompatibilidade materno-fetal e têm aplicação em medicina forense na investigação de paternidade.

  • C. Certo
  • E. Errado

Questão 531730

Instituto Nacional de Câncer (INCA) 2010

Cargo: Tecnologista Júnior - Área Medicina - Especialidade: Histocompatibilidade / Questão 42

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Superior

O estudo dos antígenos eritrocitários e de seus anticorpos forma a base da medicina transfusional. Esses antígenos estão vinculados a um sistema de grupos sanguíneos com base na estrutura e semelhança dos epitopos determinantes. O sistema de grupos sanguíneos, ou sistema ABO, foi descoberto, em 1900, por Leindsteiner, que classificou os indivíduos da espécie humana em quatro grupos segundo a presença ou ausência de antígenos nas hemácias e dos anticorpos naturais no soro. A esse respeito, julgue os próximos itens.

O gene H determina a produção da enzima H-transferase, catalisadora da reação que adiciona D-galoctose à L-fucose convertendo-a em antígeno H.

  • C. Certo
  • E. Errado

Questão 531731

Instituto Nacional de Câncer (INCA) 2010

Cargo: Tecnologista Júnior - Área Medicina - Especialidade: Histocompatibilidade / Questão 43

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Superior

O estudo dos antígenos eritrocitários e de seus anticorpos forma a base da medicina transfusional. Esses antígenos estão vinculados a um sistema de grupos sanguíneos com base na estrutura e semelhança dos epitopos determinantes. O sistema de grupos sanguíneos, ou sistema ABO, foi descoberto, em 1900, por Leindsteiner, que classificou os indivíduos da espécie humana em quatro grupos segundo a presença ou ausência de antígenos nas hemácias e dos anticorpos naturais no soro. A esse respeito, julgue os próximos itens.

Os indivíduos que carecem das transferases A e B são fenotipicamente do grupo Oh.

  • C. Certo
  • E. Errado

Questão 531732

Instituto Nacional de Câncer (INCA) 2010

Cargo: Tecnologista Júnior - Área Medicina - Especialidade: Histocompatibilidade / Questão 44

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Superior

O estudo dos antígenos eritrocitários e de seus anticorpos forma a base da medicina transfusional. Esses antígenos estão vinculados a um sistema de grupos sanguíneos com base na estrutura e semelhança dos epitopos determinantes. O sistema de grupos sanguíneos, ou sistema ABO, foi descoberto, em 1900, por Leindsteiner, que classificou os indivíduos da espécie humana em quatro grupos segundo a presença ou ausência de antígenos nas hemácias e dos anticorpos naturais no soro. A esse respeito, julgue os próximos itens.

Estudos populacionais recentes, realizados a partir de uma amostra de indivíduos eurobrasileiros, mostraram as seguintes frequências de grupos sanguíneos do sistema ABO: O – 41%; A – 45%; B – 5% e AB – 9%.

  • C. Certo
  • E. Errado

Questão 531733

Instituto Nacional de Câncer (INCA) 2010

Cargo: Tecnologista Júnior - Área Medicina - Especialidade: Histocompatibilidade / Questão 45

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Superior

Vários exames laboratoriais são utilizados para avaliar o estado imunológico do paciente em lista de espera para receber um transplante de órgão. As técnicas moleculares permitem diferenciar produtos HLA funcionalmente distintos que são indistinguíveis por métodos sorológicos. Com relação aos exames complementares para tipagem de HLA, julgue os itens de 45 a 55.

A detecção de anticorpos reativos anti-HLA alogênico no soro de um paciente em lista de espera para receber um transplante de órgão, realizada por meio do teste do painel de reatividade de anticorpos, identifica o risco de reação hiperaguda ou vascular aguda.

  • C. Certo
  • E. Errado

Questão 531734

Instituto Nacional de Câncer (INCA) 2010

Cargo: Tecnologista Júnior - Área Medicina - Especialidade: Histocompatibilidade / Questão 46

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Superior

Vários exames laboratoriais são utilizados para avaliar o estado imunológico do paciente em lista de espera para receber um transplante de órgão. As técnicas moleculares permitem diferenciar produtos HLA funcionalmente distintos que são indistinguíveis por métodos sorológicos. Com relação aos exames complementares para tipagem de HLA, julgue os itens de 45 a 55.

O painel de reatividade de anticorpos é determinado uma única vez durante a triagem inicial do paciente.

  • C. Certo
  • E. Errado

Questão 531735

Instituto Nacional de Câncer (INCA) 2010

Cargo: Tecnologista Júnior - Área Medicina - Especialidade: Histocompatibilidade / Questão 47

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Superior

Vários exames laboratoriais são utilizados para avaliar o estado imunológico do paciente em lista de espera para receber um transplante de órgão. As técnicas moleculares permitem diferenciar produtos HLA funcionalmente distintos que são indistinguíveis por métodos sorológicos. Com relação aos exames complementares para tipagem de HLA, julgue os itens de 45 a 55.

A prova cruzada positiva para transplante indica que o receptor tem condições para atacar as células do doador e, consequentemente, o órgão ou tecido a ser transplantado.

  • C. Certo
  • E. Errado

Questão 531736

Instituto Nacional de Câncer (INCA) 2010

Cargo: Tecnologista Júnior - Área Medicina - Especialidade: Histocompatibilidade / Questão 48

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Superior

Vários exames laboratoriais são utilizados para avaliar o estado imunológico do paciente em lista de espera para receber um transplante de órgão. As técnicas moleculares permitem diferenciar produtos HLA funcionalmente distintos que são indistinguíveis por métodos sorológicos. Com relação aos exames complementares para tipagem de HLA, julgue os itens de 45 a 55.

O método de linfocitotoxicidade dependente de complemento tem sido utilizado como técnica padrão para a tipagem sorológica de HLA de classe I e de classe II.

  • C. Certo
  • E. Errado

Questão 531737

Instituto Nacional de Câncer (INCA) 2010

Cargo: Tecnologista Júnior - Área Medicina - Especialidade: Histocompatibilidade / Questão 49

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Superior

Vários exames laboratoriais são utilizados para avaliar o estado imunológico do paciente em lista de espera para receber um transplante de órgão. As técnicas moleculares permitem diferenciar produtos HLA funcionalmente distintos que são indistinguíveis por métodos sorológicos. Com relação aos exames complementares para tipagem de HLA, julgue os itens de 45 a 55.

A reação em cadeia da polimerase (PCR) permite a tipagem mais completa dos loci da classe II, para os alelos HLA-DR, HLA-DQ e HLA-DP de qualquer célula, proporcionando uma tipagem tecidual precisa.

  • C. Certo
  • E. Errado

Questão 531738

Instituto Nacional de Câncer (INCA) 2010

Cargo: Tecnologista Júnior - Área Medicina - Especialidade: Histocompatibilidade / Questão 50

Banca: Centro de Seleção e de Promoção de Eventos UnB (CESPE)

Nível: Superior

Vários exames laboratoriais são utilizados para avaliar o estado imunológico do paciente em lista de espera para receber um transplante de órgão. As técnicas moleculares permitem diferenciar produtos HLA funcionalmente distintos que são indistinguíveis por métodos sorológicos. Com relação aos exames complementares para tipagem de HLA, julgue os itens de 45 a 55.

A tipagem de HLA de classe II é feita amplificando as sequências dos genes DRB1 e DQB1, com base nos bancos de dados de sequenciamento HLA, por meio do método de PCR–SSOP.

  • C. Certo
  • E. Errado