Medicina Especialidade Infectologia

Dimorfismo fúngico refere-se à:

  • A. capacidade do fungo de desenvolver núcleos com formas esféricas e alon-gadas.
  • B. capacidade do fungo de crescer em duas formas diferentes, ou seja, leveduras e hifas, dependendo das condições ambientais.
  • C. habilidade do fungo de desenvolver dois tipos de esporos.
  • D. característica de certos fungos de desenvolver hifas septadas e hifas não septadas em uma única colônia.