Medicina Especialidade Infectologia

Uma mulher jovem, gestante de oito semanas, durante a rotina laboratorial do pré-natal, apresentou urinocultura com mais de 100.000 colônias/mL de E. coli. Apesar desse resultado, a gestante encontrava-se assintomática. A conduta recomendada para esse caso é

  • A.

    realizar uma urografia excretora para se afastar obstrução urinária.

  • B.

    postergar o tratamento para a 32.ª semana de gestação.

  • C.

    acompanhar a paciente sem medicação e tratar, caso surjam sintomas.

  • D.

    tratar com um antibiótico que seja seguro para o feto.

  • E.

    tratar apenas com antissépticos urinários.