Medicina Especialidade Infectologia

Um homem com 45 anos de idade, morador de Araçatuba – SP durante os últimos 20 anos, procurou médico com queixa de febre, palidez, emagrecimento e crescimento do volume abdominal de 8 semanas de evolução. Relatou que a febre era predominantemente vespertina e que, nas primeiras semanas, foi mais intensa; queixou-se de tosse seca e de diarréia ocasional. Negou antecedentes de diabetes e hipertensão, negou uso de drogas injetáveis e confirmou bom estado de saúde até o aparecimento do quadro atual. O clínico geral que o atendeu suspeitou de leishmaniose visceral e o encaminhou para um centro de referência para ser avaliado pelo infectologista. O hemograma revelou pancitopenia com contagem de plaquetas de 28.000/mm3, contagem de leucócitos de 1.000/mm3 e hemoglobina sérica de 8 g/dL. A creatinina sérica foi de 2,4 mg/dL no momento da internação. Após a hidratação adequada, 72 horas após a internação, a creatinina persistiu elevada em 2,5 mg/dL.

Em relação ao caso clínico descrito acima, julgue os itens a seguir.

A via mais provável de aquisição da doença foi pela picada de carrapatos infectados em cães doentes.

  • C. Certo
  • E. Errado