Medicina Especialidade Infectologia

Texto para as questões 31 e 32

A febre de origem indeterminada (FOI) pode ser definida pela presença de elevação da temperatura axilar acima de 37,8 °C, mensurada em vários momentos, pelo período mínimo de três semanas, e que se mantém sem causa aparente após uma semana de investigação hospitalar.

Ainda com relação à febre de origem indeterminada relatada no texto, assinale a opção correta.

  • A.

    Neoplasias devem ser investigadas em casos de febre muito alta (maior que 39 °C).

  • B.

    Na presença de FOI, a eosinofilia detectada no hemograma descarta a suspeita de helmintose ou de neoplasia.

  • C.

    Quanto menor a duração da síndrome febril na FOI, menor a probabilidade de origem infecciosa.

  • D.

    Elevação de proteína C reativa (PCR) sérica descarta a probabilidade de FOI infecciosa.

  • E.

    Presença de leucocitose com desvio à esquerda no hemograma de paciente com FOI sugere etiologia bacteriana.