Medicina Especialidade Intensiva

A senhora Antônia, de 65 anos de idade, é levada ao pronto-socorro pela equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgências (SAMU) em estado de coma. A avaliação clínica mostrou paciente com fascies mixedematosa, frequência cardíaca de 45 bpm, frequência respiratória de 8 incursões respiratórias/min, temperatura corporal de 31 ºC e distensão abdominal. Durante a investigação clínica, foi levantada a hipótese diagnóstica de coma mixedematoso.

Com respeito a essa emergência médica, assinale a alternativa correta.

  • A.

    A exposição excessiva ao calor é o mais frequente fator precipitante dessa condição.

  • B.

    A severidade da hipotermia, nessa situação clínica, não apresenta relação alguma com o risco de morte.

  • C.

    Quase sempre ocorre aumento dos níveis séricos de sódio (hipernatremia) nessa situação emergencial.

  • D.

    Em decorrência da redução global do metabolismo, que exerce um efeito protetor global, a mortalidade associada a essa condição clínica é baixa.

  • E.

    O diagnóstico dessa emergência deve ser confirmado por meio da dosagem dos hormônios tireoidianos e do TSH; entretanto, o início da instituição do tratamento específico não necessita aguardar esses resultados.