Medicina Especialidade Intensiva

Está claro que, diante da suspeita de reações transfusionais, a medida terapêutica inicial a ser adotada é a interrupção imediata da transfusão. A respeito desse assunto, assinale a alternativa a correta.

  • A.

    Relatos frequentes associam a reação transfusional hemolítica tardia (RTHT) com morbidade grave e mortalidade; quando reconhecida, seu tratamento é complexo e baseia-se na transfusão de sangue total compatível.

  • B.

    A reação transfusional não-hemolítica febril (RTNHF) consiste na redução de 1 ºC na temperatura corporal quando o paciente apresentar temperatura basal normal e, em geral, ocorre após doze horas da transfusão.

  • C.

    A lesão pulmonar aguda relacionada a transfusões (LPART), do inglês (TRALI), cursa tipicamente com dispneia, hipotensão e febre que aparecem no período entre uma e quatro horas. A radiografia de tórax habitualmente é normal, tornando a distinção entre um quadro de SARA muito simples.

  • D.

    A doença enxerto-versus-hospedeiro (DEVH) pode ser evitada, utilizando-se filtros de leucócitos nas transfusões de plaquetas.

  • E.

    A reação hemolítica aguda à transfusão é rara, com incidência estimada em 1:77.000.