Medicina Especialidade Medicina do Trabalho

O trabalho em turnos pode ser definido como uma continuidade da produção sem continuidade nas atividades realizadas pelo trabalhador. Acerca desse assunto, assinale a opção correta.

  • A.

    As perturbações sociais, apesar de proeminentes na vida do trabalhador em turnos, não representam fator de relevância na sua adaptação ao trabalho.

  • B.

    Nos seres humanos, o período de oscilação dos ritmos circadianos costuma ser inferior ao de um dia.

  • C.

    No funcionamento do corpo humano, as variações fisiológicas com ritmo superior a 24 horas são chamadas de ultradianas.

  • D.

    Epilepsia, doença coronariana e diabetes insulinodependentes são exemplos de patologias que contra-indicam o trabalho em turnos.