Medicina Especialidade Medicina do Trabalho

Durante a paralisação decorrente da imposição de interdição ou embargo, os empregados devem:

  • A.

    ser impedidos de desenvolver atividades necessárias à correção da situação de grave e iminente risco.

  • B.

    receber os salários como se estivessem em efetivo exercício.

  • C.

    requerer período de férias remuneradas.

  • D.

    permanecer no local de atividades, recebendo pagamento de hora extra.

  • E.

    ser demitidos e, posteriormente, readmitidos ao cessar o embargo ou a interdição.