Medicina Especialidade Medicina do Trabalho

Mulher de 52 anos, com diagnóstico de neoplasia avançada do trato digestivo, interna para investigação de quadro de dor abdominal e vômitos. Realizou tomografia de abdome, que teve como principais achados uma tumoração sólida pélvica de 20 cm e hidronefrose acentuada bilateral. Exames laboratoriais revelaram potássio sérico de 6.7 mEq/L, uréia de 150 mg/dL e creatinina de 2.4 mg/dL, e em eletrocardiograma foi observada alteração das ondas T em todas as derivações. A classificação da insuficiência renal aguda (IRA), o principal tratamento e a droga para tratamento imediato da hipercalemia, respectivamente, são:

Valores de referência (séricos): potássio 3.5 a 5.0 mEq/L, uréia 10 a 45 mg/dL, creatinina 0.6 a 1.2 mg/dL.

  • A.

    IRA pré-renal; expansão volêmica; bicarbonato de sódio.

  • B.

    IRA pós-renal; desobstrução da via urinária; gluconato de cálcio.

  • C.

    IRA renal; diálise; gluconato de cálcio.

  • D.

    IRA pós-renal; expansão volêmica; nebulização com fenoterol.

  • E.

    IRA pré-renal; diálise; diurético de alça (furosemida).