Medicina Especialidade Nefrologia

Uma paciente do sexo feminino de 18 anos, com diagnóstico de lupus eritematoso sistêmico (LES) há 1 ano, sem alterações renais prévias desenvolve hipertensão arterial (PA=150/90mmHg), proteinúria, hematúria com presença de cilindros hemáticos, aumento de 0,5mg/dl na creatinina sérica a cada 24 horas nas últimas 72 horas (a creatinina inicial era de 0,7mg/dl), bem como oligúria. Ao exame físico, apresenta sinais dignos de nota: a hipertensão arterial descrita acima e edema de mmii +/4+. Realiza uma ultrassonografia renal e das vias urinárias que é normal. O doppler das artérias renais também se mostra normal. Ela não vinha em uso de nenhuma droga nefrotóxica, não apresentou quadro de hipovolemia ou desidratação e cursou todo o período sem quadro infeccioso. Qual a medida mais urgente a ser tomada neste caso?

  • A.

    Biópsia renal e aguardar resultado para iniciar terapia específica.

  • B.

    Anti-hipertensivo, pulsoterapia com metil-prednisolona

  • C.

    Anti-hipertensivo IV e diurético.

  • D.

    Iniciar inibidor da enzima de conversão e dieta hipoproteica

  • E.

    Hemodiálise e bloqueador de canal de cálcio