Medicina Especialidade Nefrologia

A insuficiência renal aguda (IRA) em criança deve ser avaliada de forma integral, sendo aconselhável instituir tratamento para as várias alterações homeostáticas nos diversos sistemas do organismo, antes mesmo da exploração e identificação etiológica. Acerca de situações que envolvem esse tipo de paciente, assinale a opção correta.

  • A.

    O rim é o órgão mais importante e eficaz na eliminação do sódio. Assim sendo, o sódio sérico sempre está aumentado na insuficiência renal aguda.

  • B.

    A acidose metabólica que pode ocorrer no paciente com IRA não contribui com a hipercalemia.

  • C.

    O uso de cálcio, por meio do gluconato de cálcio 10%, antagoniza os efeitos tóxicos do potássio sobre a fibra cardíaca, melhorando a condução do miocárdio, apesar de ser menos efetivo que o bicarbonato de sódio.

  • D.

    De maneira geral, as crianças com IRA podem apresentar hipofosfatemia.

  • E.

    Em crianças com hipovolemia, insuficiência circulatória, queda da pressão arterial e da pressão venosa central, com grave depleção de volume necessitando expandir imediatamente a volemia, utiliza-se, em geral, plasma ou soro fisiológico a 0,9%. A solução salina deverá ser administrada na dose de 50 mL/kg durante vinte a sessenta minutos, podendo ser repetida até a normalização da circulação e da diurese.