Medicina Especialidade Neurologia

Homem, 60 anos, antecedente de uso de marcapasso cardíaco definitivo, hipertenso, é levado ao serviço de emergência por quadro de dificuldade súbita para falar com início há 3 horas. Ao exame neurológico: PA = 150 × 100, alerta, afasia global, hemiparesia direita completa, de predomínio braquiofacial com força muscular grau 5 no membro inferior direito e grau 3 no membro superior direito. O paciente

  • A.

    é candidato à trombólise endovenosa, que deverá ser iniciada após exclusão de quadro de acidente vascular hemorrágico por exame de neuroimagem e de realização de exames laboratoriais gerais.

  • B.

    é candidato à trombólise intra-arterial, que deverá ser iniciada após exclusão de quadro de acidente vascular hemorrágico por exame de neuroimagem e de realização de exames laboratoriais gerais.

  • C.

    é candidato à trombólise endovenosa, que deverá ser iniciada imediatamente.

  • D.

    não é candidato à trombólise por apresentar déficit neurológico mínimo.

  • E.

    não é candidato à trombólise endovenosa por não apresentar tempo hábil.