Medicina Especialidade Oncologia

Um homem de 43 anos de idade apresentou cefaleia frontal e diminuição da força muscular em braço direito. A ressonância nuclear magnética de crânio revelou uma massa frontal esquerda de 2,5 cm × 1,7 cm com extensão para o seio cavernoso. Após biopsia estereotáxica, foi diagnosticado meningeoma frontal esquerdo. Craniotomia foi realizada com ressecção da lesão, entretanto havia comprometimento ósseo e dural devido ao envolvimento da dura-máter. O patologista descreveu o tumor como meningeoma grau I, com 1 mitose/campo de grande aumento (10 X), com alta celularidade e necrose ocasional. Nesse caso, a conduta mais apropriada é

  • A.

    repetir a cirurgia com ressecção completa, somente.

  • B.

    repetir a cirurgia com ressecção completa e radioterapia holocraniana.

  • C.

    radioterapia holocraniana, somente.

  • D.

    radioterapia estereotáxica.

  • E.

    seguimento clínico com observação e exames de imagem periódicos.