Medicina Parte Geral

A insuficiência cardíaca (IC) é uma condição clínica associada à piora da capacidade funcional, diminuição da qualidade de vida e ao aumento da morbidade e mortalidade dos pacientes. Com relação a essa síndrome, é correto afirmar:
  • A. Diuréticos e digoxina devem ser utilizados para o seu tratamento, tanto nos pacientes sintomáticos quanto nos assintomáticos
  • B. A anemia é, freqüentemente, observada nesses pacientes, porém não interfere no seu prognóstico.
  • C. A dosagem do BNP (peptídio natriurético) não se presta como auxiliar diagnóstico nos casos de IC, com função sistólica normal.
  • D. O tratamento fundamentado em evidência, em vez de objetivar a melhora da contratilidade, visa reduzir a aumentada estimulação neuro-hormonal e reverter a deletéria remodelação cardíaca.
  • E. A espironolactona, antagonista da aldosterona, deve ser adicionada ao esquema terapêutico da IC, se o paciente permanecer sintomático, após o uso de diuréticos, de digoxina, de IECA (inibidor da enzima conversora da angiotensina) e de beta-bloqueador.