Medicina Especialidade Pediatria

Vacinação é uma ação básica de saúde com grande impacto na redução da morbimortalidade na infância. Desde 1973 foi instituído pelo Ministério da Saúde o Programa Nacional de Imunizações, com o objetivo de coordenar e implementar as ações de imunização no território nacional e a instituição de um calendário básico de vacinação. Tais ações são complementadas pela iniciativa privada, por meio do oferecimento de vacinas específicas não disponíveis na rede pública. A fim de que a cobertura vacinal tenha sucesso e alcance o impacto desejado, devem ser preenchidas algumas condições relacionadas à eficiência e eficácia do programa de vacinação, como, por exemplo, conhecimento técnico-científico sobre o produto, treinamento das equipes de administração e manuseio das vacinas, calendário vacinal, condições de transporte e sistema para conservação das vacinas.

 A respeito do assunto abordado no texto e com base nas normas técnicas do Programa Nacional de Imunizações recomendadas pelo Ministério da Saúde e Sociedade Brasileira de Pediatria, julgue os itens a seguir.

À criança portadora de HIV, classificada como N1 ou A1, são contra-indicadas as vacinas BCG id, antipoliomielítica oral e tríplice viral contra sarampo, caxumba e rubéola, por se tratar de vacinas constituídas por bactérias ou vírus atenuados.

  • C. Certo
  • E. Errado