Medicina Especialidade Pediatria

Uma criança de seis meses, procedente do DF, até então saudável, foi levada ao serviço de pronto-socorro com história de febre, tosse e diarréia sem sangue nas fezes, que persiste há três dias. O médico perguntou à mãe se a criança conseguia mamar ou beber líquidos sem vomitar tudo e a resposta foi que sim. A mãe também negou a presença de convulsão. No exame físico, observou-se que a temperatura axilar era de 38º C; que a criança estava consciente, não chorava e mamava no peito da mãe; quando pinçada, a pele voltava rapidamente ao estado anterior; a freqüência respiratória era de 55 incursões respiratórias por minuto, com tiragem intercostal, sem estridor; e havia secreção amarelada no ouvido, sem tumefação dolorosa atrás da orelha.

Considerando as normas do Programa Nacional de Atenção às Doenças Prevalentes na Infância, julgue os itens a seguir, relativos ao quadro clínico descrito acima.

Como a criança apresentava freqüência respiratória de 55 incursões respiratórias por minuto e retrações intercostais, deve-se classificar o quadro respiratório como pneumonia.

  • C. Certo
  • E. Errado