Medicina Especialidade Pediatria

O pediatra que trabalha em ambulatório ou em pronto atendimento deve estar preparado para resolver situações clínicas que exijam diagnóstico e terapêutica imediatos e apropriados. Em cada um dos seguintes itens, é apresentada uma situação hipotética relativa ao trabalho do pediatra, seguida de uma assertiva a ser julgada.

Os pais de um escolar de 7 anos de idade levaram-no à emergência pediátrica porque, há dias, ele vinha apresentando fraqueza progressiva, dificuldade para respirar aos pequenos esforços e taquicardia. No exame físico, o médico assistente observou palidez, freqüência respiratória de 55 incursões por minuto, freqüência cardíaca de 150 batimentos por minuto, pulsos filiformes, hipotensão, íctus visível, palpável, duas polpas digitais no 5.º espaço intercostal na linha axilar anterior, hepatomegalia dolorosa e edema de membros inferiores. Não há relato de história febril aguda, mas há duas semanas teve um mal-estar com indisposição e dores articulares e musculares que cederam espontaneamente. Uma radiografia do tórax mostrou uma cardiomegalia com pequeno derrame pleural à direita. Nessa situação clínica, o diagnóstico mais provável é de miocardite com insuficiência cardíaca congestiva, causada pelo vírus Coxsackie B, e seu tratamento deve incluir suporte inotrópico, redução da pós-carga e diuréticos.

  • C. Certo
  • E. Errado