Medicina Especialidade Pediatria

Texto para as questões 54 e 55

Um paciente com doze anos de idade relatou tosse, febre e dispneia iniciadas havia três semanas. Radiografia de tórax revelou, inicialmente, sinais de pneumonia com derrame pleural discreto à esquerda. O paciente permaneceu em tratamento antibiótico por uma semana sem apresentar melhora dos sintomas. Seu estado evoluiu com piora do desconforto respiratório e dessaturação, mesmo com oxigenioterapia sob máscara não reinalante. Não se observaram, no exame físico, turgência jugular nem circulação colateral evidente em tórax. Não há edema em parede torácica. Controle radiográfico revelou aumento significativo do derrame pleural e surgimento de volumosa massa mediastinal anterior que comprime e desvia a traquéia para o lado contralateral ao derrame pleural. O hemograma do sangue periférico apresentava-se normal.

Para esse caso clínico, o diagnóstico mais provável é de

  • A.

    leucemia mieloide crônica.

  • B.

    linfoma de Burkitt.

  • C.

    linfoma de Hodgkin.

  • D.

    leucemia mieloide aguda.

  • E.

    linfoma não-Hodgkin imunofenótipo T.