Medicina Especialidade Pediatria

Com relação à síndrome de lise tumoral, assinale a opção correta.

  • A.

    A síndrome de lise tumoral é uma emergência oncológica causada por alterações metabólicas que ocorrem apenas após início do tratamento de neoplasias de alto índice de proliferação celular.

  • B.

    Rasburicase não pode ser usada no tratamento de paciente que apresenta deficiência congênita de glicose 6 fosfato desidrogenase (G6PD).

  • C.

    A classificação Cairo-Bishop estabelece como critério laboratorial para o diagnóstico dessa síndrome níveis séricos de ácido úrico igual ou superior a 8 mg/dL; de potássio igual ou superior a 6mEq/L; de fosfato igual ou superior a 6,5; e de cálcio igual ou inferior a 7 mg/dL; acidose metabólica com pH sanguíneo menor que 6,5; alcalose respiratória compensatória com pCO2 menor que 20mmHg.

  • D.

    Alopurinol deve ser usado na profilaxia dessa síndrome, visto que inibe a enzima xantina oxidase, embora não funcione na presença de hiperpotassemia.

  • E.

    A necessidade de hemodiálise na síndrome de lise tumoral no linfoma de Burkitt não diminui com o uso da enzima rasburicase, que converte ácido úrico em alantoina que é cinco a dez vezes mais hidrossolúvel que o ácido úrico e pode ser excretado pelo rim.